Blog

Indústria 4.0: por onde começar o investimento?

Homem automatizando fábrica com rôbos.

Não tem como evitar: se adequar à indústria 4.0 já não é uma opção, e sim uma necessidade. Com o avanço tecnológico e o crescente aumento das expectativas dos consumidores, se fez necessário encontrar formas e ferramentas otimizadas que garantam não só a continuidade das atividades de uma empresa, mas que também permitam que todas as etapas produtivas sejam executadas de forma inteligente e assertiva. Mas por onde começar o investimento na Indústria 4.0?

Com tantas novas tecnologias disponíveis, pode ser difícil estabelecer um cronograma estratégico para adequar as suas atividades a essa nova realidade. Para te ajudar, preparamos alguns tópicos essenciais para uma adequação mais tranquila e eficiente. Confira!

 

Planejando o seu investimento na Indústria 4.0

Um investimento desse porte não pode ser realizado de forma leviana, pois tem um impacto direto na produtividade e na rentabilidade de um negócio. Além de transformar totalmente a forma como as coisas são feitas no chão de fábrica, a Indústria 4.0 pode trazer inúmeras vantagens para um negócio, como o aumento da produtividade, redução de custos, redução de desperdício, e muito mais.

 

Fortaleça o seu setor de tecnologia de informação (TI)

Dentro da Indústria 4.0, o TI da empresa possui um papel fundamental para garantir que tanto a implementação quanto a utilização das novas tecnologias ocorra conforme o planejado. Antes de iniciar qualquer projeto voltado para a transformação das etapas produtivas da empresa, é de extrema importância estudar e identificar todas as características do TI.

Estabeleça um cronograma estratégico de implantação da Indústria 4.0 na sua empresa.

Com base nesse levantamento, é possível determinar quais os recursos e ferramentas que já fazem parte do setor, e quais são as suas principais necessidades, principalmente quanto à infraestrutura de rede, uma vez que a maior parte das tecnologias e recursos da Indústria 4.0 dependem de uma conectividade de qualidade.

 

Estude o que está sendo feito no seu segmento

Outra etapa imprescindível na fase de preparo para a Indústria 4.0 é o estudo do segmento onde a sua indústria está inserida. É necessário conhecer as tendências do seu setor, de forma a conhecer quais as melhores tecnologias e ferramentas que podem ser utilizadas para melhorar a capacidade produtiva e qualidade das atividades.

Para que isso seja feito, é importante saber exatamente o que a sua empresa objetiva com essa transformação e quais são os aspectos mais importantes dessa mudança. É importante focar naquilo que vai ajudar o seu negócio a alcançar um melhor patamar no que se refere ao seu diferencial competitivo.

 

Relacionados:

 

Faça um levantamento interno de necessidades

Assim como o seu TI deve ser estudado, o restante da empresa também deve passar por uma análise de demandas e necessidades, de forma a orientar as mudanças que serão aplicadas. Não é porque existem X tecnologias que fazem parte da Indústria 4.0, que é preciso implementar todas. Foque naquilo que a sua empresa precisa, estabelecendo uma lista de prioridades que guiará a implementação de novas soluções.

 

Valide qual é a melhor modalidade de negócios: aluguel ou serviço  

Diante do orçamento e recursos disponíveis, é muito importante determinar como essas novas ferramentas serão adquiridas e implementadas. Atualmente, existem diversas opções no mercado, e é preciso determinar qual a melhor forma para a realidade do seu negócio. Embora garantam muitas vantagens para a empresa, as tecnologias apresentam um custo significativo, e nem sempre é possível contar com o montante ideal para adquirir tudo que é necessário.

pessoa com tablet coletando dados para análise de implementação da indústria 4.0

Inicie pela coleta de dados

Não há como se falar em Indústria 4.0 sem se falar em coleta de dados. É através de informações consolidadas que os gestores conseguem estabelecer métodos e estratégias mais eficientes e embasar um processo de tomada de decisões mais assertivo. Mais do que apenas tecnologias, essa mudança se refere à uma total mudança de paradigmas que vai ajudar a entender melhor como os processos funcionam e entregar mais inteligência nos métodos empregados na empresa.

Dessa forma, os primeiros investimentos a serem realizados devem ser direcionados a recursos que ajudem a compreender os processos atuais e coletar dados realistas sobre os mesmos.

Vídeo de fábrica de gelo automatizada

 

Elabore um projeto piloto

Como dissemos anteriormente, esse processo de mudanças e transformações não pode ser aleatório. Por essa razão, a elaboração de um projeto piloto é imprescindível para garantir o sucesso da adequação da sua empresa à Indústria 4.0.

Esse projeto pode ser construído com base em etapas e prioridades cuidadosamente elaboradas a fim de garantir que os principais problemas sejam solucionados. Por exemplo: você pode selecionar uma área específica que passará pela adequação e focar nas soluções necessárias para resolver as demandas desse setor. Posteriormente, pode ser selecionado um setor relacionado para que as etapas de adequação funcionem de forma harmônica e eficiente.

Com base nos resultados do projeto piloto, será utilizado como base para as próximas etapas, oferecendo resultados mensuráveis que servirão como parâmetro.

 

Jean Carlos Ferrari

Diretor de engenharia.

Comentários

Não perca nossos posts sobre Automação Industrial

Assine nosso blog e receba novos posts diretamente em seu e-mail.