Blog

O impacto da robótica nos empregos da indústria

A indústria de manufatura encara um importante desafio. A mão de obra disponível não é suficientemente qualificada, e não há previsão de melhora nos próximos anos. Como consequência, a produção vai se tornar limitada e a necessidade de importação aumentará.

Inevitavelmente, o crescimento econômico também ficará restrito, uma vez que a falta de produtos manufaturados não prejudica somente a indústria, mas também os serviços que caminham em conjunto e disponibilizam mais postos de trabalho.

Os produtores têm, então, duas alternativas:

  • Deixar o trabalho na indústria como está;
  • Investir na criação de mais capacidade produtiva.

Uma maneira efetiva de aumentar a produtividade global de suas empresas é fazer o uso de robôs na manufatura.

Sala de testes de robos sendo preparados para o trabalho na indústria.

 

5 vantagens do uso de robôs na indústria

1. Qualidade elevada

Robôs reduzem a variação de qualidade de uma peça para outra, então os consumidores recebem produtos mais uniformes. A aplicação de tinta com spray é um exemplo de como um robô pode ser mais consistente que um humano, não importa o quão bom ele seja. Com a robótica, menos peças são produzidas com inconformidades, aumentando o rendimento de materiais e de processo.

2. Trabalhos que pessoas não podem realizar

A robótica permite o desenvolvimento de novos produtos. Robôs conseguem atuar em tarefas muito complexas, acessar locais inacessíveis e realizar montagens complicadas demais para olhos e mãos humanas. Usando o processo de soldagem como exemplo, robôs são capazes de soldar juntas em locais que poderiam ser impossíveis de alcançar para um humano.

Analista avaliando o trabalho de um robo na indústria.

3. Trabalhos indesejáveis

Robôs não reclamam de ambientes barulhentos, sujos ou perigosos. Olhando para um setor de fundição: despejar metal líquido e retirar peças do molde é um trabalho que envolve muito calor, é desprazeroso. Trabalhos industriais como esse sofrem com uma grande rotatividade de trabalhadores.

E como as habilidades específicas estão se tornando escassas, encontrar pessoas para esses postos de trabalho se tornará cada vez mais difícil. A aplicação da automação robótica previne a limitação de produtividade por conta da diminuição de trabalhadores qualificados.

4. Preenchimento de lacunas da habilidades

Substituir pessoas por robôs em atividades repetitivas permite liberar os trabalhadores para tarefas mais interessantes. Como solucionadores de problemas, é melhor treinar o soldador para ser um suporte especializado para o robô, resolvendo problemas, criando programas para novos produtos e trabalhando no design de novos desenvolvimentos.

Robo trabalhando com a movimentação de pacotes na substituindo postos de trabalho na indústria.

5. Aumento de flexibilidade

Há uma grande tendência para produção de grande variedade de produtos. Isso faz com que os lotes produtivos reduzam e as trocas de ferramenta sejam mais constantes. Consequentemente, as empresas necessitam de mais flexibilidade em suas linhas produtivas. Não basta somente investir em automação, os robôs são o caminho para flexibilizar o trabalho na indústria.

Construindo o futuro

Robôs contornam a escassez de habilidades, aumentam a capacidade produtiva e a qualidade, possibilitam a criação de novos produtos mais sofisticados e geram empregos melhores para pessoas. Para os trabalhadores, os robôs garantem a segurança no emprego, por proporcionar maior espaço para crescimento e prosperidade dos negócios.

Comentários

Não perca nossos posts sobre Automação Industrial

Assine nosso blog e receba novos posts diretamente em seu e-mail.